Menu

Veja 5 dicas para organizar o rebanho na hora da vacinação da aftosa

Por em 24 de março de 2021

A vacinação da aftosa está chegando. Começa em maio na maioria das regiões brasileiras, mas o planejamento deste manejo deve ser pensado agora. 

Que tal aproveitar esse manejo para “organizar” o rebanho? Afinal, você vai mobilizar a equipe da fazenda, apartar o rebanho e passar cada cabeça pelo curral. A hora é essa!

Confira 5 dicas de organização que você deve fazer para aproveitar a vacinação contra a febre aftosa:

1.Identifique o rebanho

A identificação individual dos animais é uma ferramenta de gestão da fazenda. Além disso permite um melhor controle produtivo do rebanho. Você pode fazer isso com o uso de brincos ou por meio de tatuagens. 

No rebanho de cria, por exemplo, a identificação das matrizes é fundamental para conhecer as fêmeas mais produtivas e as que desmamam melhores bezerros. Um dado essencial para selecionar as matrizes que vão continuar no rebanho ou as que serão descartadas.

Com um sistema de gestão pecuária como o iRancho, você identifica e já registra os animais ali mesmo no curral. O manejo é rápido, fácil e organizado. Porque o sistema é integrado aos leitores de brincos, ajudando no manejo de identificação dos animais. 

2. Atualize o inventário

Ao longo do ano ocorrem movimentações no rebanho, seja por aquisição, venda, mortes ou nascimentos.  No entanto, se você não tem um sistema de gestão para lançar essas atualizações, essas informações se perdem ou ficam desatualizadas.

Aproveite este momento da vacinação da aftosa para colocar isso em ordem. Com a identificação individual, já fica fácil dar esse passo. Depois disso, faça a contagem do rebanho, separe por categorias e registre a quantidade de animais no estoque da fazenda. 

Ao passar o gado no curral, você consegue registrar direto no software de gestão iRancho os dados de cada um. Por exemplo: categoria, origem, raça, lote, sexo ou idade. 

A quantidade de animais em estoque e as movimentações são fundamentais para gerar índices zootécnicos. Exemplo: taxa de desfrute, taxa de abate e a produção de @/ha/ano. Além disso, a atualização da quantidade de matrizes e categorias ajuda a organizar a estação reprodutiva. 

3. Aparte lotes por peso

A vacinação é também um ótimo momento para pesar os animais e formar lotes por peso.  Assim, você terá lotes homogêneos e padronizados de animais para a venda, recria ou terminação. Além disso, consegue planejar as estratégias de nutrição específicas para cada lote, a fim de alcançar as metas de ganho de peso.

O sistema iRancho é um grande aliado nesta pesagem. Isso porque, o sistema é integrado com as balanças eletrônicas, o peso é registrado automaticamente no sistema ainda no curral, sem a necessidade de anotação em cadernos ou planilhas. Ao final da pesagem, é possível gerar relatórios com os dados dos animais e do manejo realizado. 

4. Controle sanitário

Certamente é durante a vacinação contra a febre aftosa que você vai organizar o controle sanitário do rebanho. 

Registre as informações sanitárias do rebanho. Por exemplo: a quantidade de doses, as categorias vacinadas e outros medicamentos aplicados durante o manejo dos animais.

Além disso, registre também os custos gerados com cada animal. Esses dados ajudam a calcular o custo da arroba produzida

Conte com um sistema de gestão para armazenar tudo isso. Afinal, de nada vai adiantar organizar se você não tiver fácil acesso a esses dados ou informações deste manejo.

5. Planeje as próximas ações

Após a identificação dos animais, a atualização do inventário e a apartação em lotes, é hora de planejar as atividades produtivas. 

Se você usou o sistema iRancho, terá agora relatórios por lote, raça, categoria, peso médio, lotação da fazenda e muito mais. Como resultado, informações que vão ajudá-lo a planejar as ações da fazenda em curto e médio prazo.

Por exemplo, com o rebanho organizado, você consegue planejar a nutrição e a compra de insumos, pois sabe a quantidade de animais, pesos e categorias. Ou ainda, com a média do desempenho do seu rebanho, já pode planejar o período de venda dos animais. Enfim, tudo organizado em uma tacada só!

A hora é essa. Aproveite a vacinação da aftosa, otimize os manejos e economize tempo e mão de obra. Acima de tudo, combine à essa organização um sistema de gestão. Seus dados ficam guardados em um lugar só e ainda geram informações para a tomada de decisão.

Teste grátis o iRancho por 7 dias. Veja como funciona o sistema e as facilidades que ele vai trazer para o seu dia a dia.

Veja também:

Gestão de fazenda: é só para grandes produtores?

Como fazer a gestão financeira da fazenda?

SOBRE O AUTOR

Preencha o formulário e garanta seu teste grátis

Av. Olinda, 960. Ed. Lozandes Trade Tower II, sala 507-B. Park Lozandes. Goiânia, GO.

(62) 3414-7361
(62) 98139-3868
© iRancho - Sistema de Gestão Pecuária de Corte. CNPJ: 26.542.466/0001-02