Na imagem, temos um bovino de cor branca em destaque usando brinco, ilustrando matéria de rastreabilidade bovina.

Rastreabilidade bovina na pecuária de corte: entenda a relação

Conhecer a procedência dos alimentos é uma exigência presente na vida de muitos consumidores. O desejo por entender de onde veio o animal e como foi produzido é cada vez mais forte e para que seja atendido é fundamental ter o que chamamos de rastreabilidade.

A rastreabilidade bovina visa garantir transparência e segurança na produção. Com ela, é possível acompanhar cada animal desde o seu nascimento até a chegada na mesa do consumidor. Isso é alcançado por meio do registro detalhado de informações sobre cada animal, incluindo sua origem, alimentação, protocolos sanitários, movimentações ao longo da sua vida, dentre outros. Gostaria de saber mais sobre esse tópico? Continue a leitura!

Rastreabilidade bovina na pecuária de corte

A rastreabilidade é requisito fundamental para países importadores de carne bovina brasileira. Contudo, para implementá-la é preciso que todos os elos da cadeia de produção, desde produtores até a indústria (frigoríficos), atacado e varejo participem ativamente do sistema, registrando e compartilhando informações de forma precisa e transparente.

É preciso ter registro de todos os processos, manejos e do rebanho com o controle de todas as etapas produtivas dentro e fora da porteira. Ao monitorar toda a produção, é possível identificar gargalos e promover uso mais eficiente dos recursos como água, pastagem, dinheiro e demais.

Além disso, é importante estar atento a outros pontos como:

  • Identificação individual de cada animal: importante para registrar exatamente todos os aspectos da sua criação, medicamentos recebidos, alimentação, desempenho, entre outros;
  • Conhecer a origem genética do animal;
  • Registros de idades em cada fase até o abate;
  • Registros relacionados ao manejo nutricional e alimentos utilizados;
  • Registro do manejo sanitário com todas as medicações usadas para tratar doenças, as vacinações e ocorrências sanitárias com os animais;
  • Tecnologia: O uso de sistemas de gestão como o iRancho facilita a coleta e gerenciamento dos dados de forma eficiente. Isso ajuda não somente a atender as exigências de rastreabilidade, quanto possibilita que os produtores tenham uma visão clara de suas operações e tomem as decisões estratégicas com base em dados sólidos.

Nesse aspecto, o SafeBeef é a plataforma de rastreabilidade bovina do produtor.

O que é SafeBeef?

O SafeBeef é uma solução iRancho, que utiliza informações de gestão para realizar a rastreabilidade dos animais, constituindo o processo de rastreabilidade por consequência. Utilizamos tecnologia blockchain para tornar as informações armazenadas imutáveis e invioláveis, garantindo a sua integridade, confiabilidade e precisão.

SafeBeef: sistema de rastreabilidade bovina
SafeBeef: sistema de rastreabilidade que agrega valor, segurança e confiabilidade na cadeia produtiva. (Fonte: SafeBeef).

A rastreabilidade não beneficia apenas os consumidores, mas também oferece vantagens para os pecuaristas. Isso porque permite uma gestão eficiente da produção, ajuda a identificar áreas de melhoria e contribui para o fortalecimento de toda cadeia produtiva da carne bovina e sua imagem, principalmente, no mercado internacional.  

Em resumo, em um mundo cada vez mais preocupado com o consumo de alimentos saudáveis e seguros, a rastreabilidade bovina é fundamental para a sustentabilidade e sucesso da pecuária nacional

Leia também: SafeBeef: Rastreabilidade e Carne Sustentável

Compartilhe:

Assine nossa Newsletter!